7 passos para curar seu intestino

7 passos de curar o seu intestino
Por Kate Reardon e Conceição Trucom *
 
Antes desejo colocar algumas citações dos dois livros básicos do cientista alemão Prof. Arnold Ereth: Sistema Curativo por dieta Amucosa e O Jejum Racional.

Diz Arnold em O que é a enfermidade?: a) “toda enfermidade é constipação ou obstrução”. b) “é uma ação de todo o corpo para eliminar escórias, mucos e toxinas e precisamos ajuda da Natureza para eliminarmos tudo isso de maneira mais natural.”

Vamos aos 7 passos da Kate Reardon e interferências da Conceição Trucom

Hipócrates foi certeiro (ou profético) quando afirmou: "toda doença começa no intestino". 

Conforme o tempo passa, estamos aprendendo mais e mais sobre a importância de manter um intestino saudável. Mas nós sabemos como explorar a sabedoria de nosso corpo e conseguir esse nobre propósito?

Nesta entrevista exclusiva um médico naturopata, uma nutricionista, e a Kate Reardon evocam o seu conhecimento sobre a saúde do intestino, junto com o fundador do Food Matters, James Colquhoun, propagando os 7 passos para alcançar um sistema digestivo saudável.

Aprender a nutrir seu intestino e curar a sua mente, corpo e espírito! 

  • 1. O que você come?
    Tudo que a mãe natureza oferece para nós: alimentos integrais, frutas, legumes, castanhas, sementes...
    Ou você elege os produtos processados com ingredientes artificiais e zero vitalidade?
    Uma sugestão: corte os processados e sua saúde irá melhorar!
    Alimente-se como seus avós que não conheciam processados, somente alimento local, da estação e 100% orgânico, e os fermentados com o propósito principal da preservação natural dos alimentos colhidos na estação.
  • 2. Como você come?
    Nós sabemos que precisamos comer saudável para nos sentirmos bem, ou seja, com pressa, no carro, na frente da TV ou  do PC, em lugares barulhentos, etc., a digestão começa SEM RESPEITO, VALOR OU CUIDADO.
    A forma como nos alimentamos afeta emocional e bioquimicamente a nossa digestão.
    - Sentir o aroma da comida -> ativa a produção de hormônios que acionam o sistema digestivo para começar a produção dos sucos gástricos e enzimas. Um bom exemplo é o cheiro da comida da nossa mãe muitas vezes dá um gatilho na nossa fome e digestão, chegando a escutar nosso estômago fazendo barulho, que é um preparo para a digestão!
    - Sentir o sabor e mastigar -> quanto mais você mastiga tanto mais saliva você produz para ajudar o estômago e o sistema digestivo como um todo. E é exatamente por uma mastigação eficiente que percebemos o sabor e valor daquele alimento ou preparo. Por ela abrimos as energias daquele alimento que nos invade e transborda de sentido, de vitalidade, de inspiração e saciedade orgânica.
    - Sentir a mente plena e grata -> chamo de 'alimenditação' ao praticarmos rituais antes e durante a mastigação: rezar, agradecer, levantar as mãos ao céu e à terra!
  • 3. Escuta o seu corpo!
    Tudo que você sente no seu corpo físico em um nível mais sutil é a forma do seu corpo se comunicar com você. Os sintomas são sinais, a linguagem dele, que é muito pessoal, portanto silencioso e sutil. Comendo a mesma comida nós podemos ter sintomas físicos completamente diferentes: enjôo, dores, coceira, problemas na pele, tosse, vômito, diarreia, irritabilidade, cansaço, doenças autoimunes etc. Como entrar em contato com esta sabedoria interna? Como entender esta linguagem do nosso corpo? Pergunte-se: como eu me sinto agora? O que eu comi ontem à noite ou no almoço?
    Um diário seria bem legal: anote tudo que você come, depois como você se sente no corpo físico, a qualidade dos seus pensamentos e emoções, seu nível de energia etc. Assim você aos poucos aprende a ligar os sintomas com a comida para poder fazer melhores escolhas alimentares para você e sua microbiota, hehe!
  • 4. Estresse, Ansiedade, Expectativas...
    Viagem, mudanças, vida e relações pessoais e profissionais, toxinas do ambiente, toxinas no alimento...
    O estresse, ansiedade, excesso de expectativas provocam a produção do hormônio Cortisol, adrenalinas etc. Ao elevarmos o nível destes hormônios no organismo, as enzimas e outras substâncias da digestão diminuem. Precisamos aprender a administrar estas 'emoções desmedidas': atividade física prazerosa, meditação, conexão com a natureza.
    JAMAIS COMA ou ALIMENTE-SE quando ESTRESSADO! Seu organismo, coração e mente, não vão digerir, nem absorver a comida, mesmo que seja 100% orgânica e saudável...
  • 5. Propósito de vida
    Se você não segue o propósito da sua vida, você vai ficando ansioso, estressado. É uma questão de tempo, do tanque de ansiedade e impotências ir ficar cheio... Enquanto isso, toda essa energia 'cumulativa' vai migrando e contagiando nossos intestinos. O Plexo Solar (um chacra que fica bem na altura do nosso estômago) é um centro energético - fonte da nossa força interna, em inglês selfworth -, e revela quem somos e como nós nos apresentamos para o mundo exterior.
    Nós somos corpo-mente-espírito... Quem não reconhece ou busca reconhecer acaba não realizando-se profissionalmente porque não faz o gosta, não conectou-se com seus dons e talentos.
    Esta não-relação com a sua natureza é muito desgastante, e tentamos compensar tentando agradar os outros, quando o mais importante é viver o que nós somos, transbordar a vida fazendo o que nós somos em vez do que 'pensamos esperam de nós'.
    Se vivemos praticando e realizando o que nos faz realmente feliz, realizando uma vida viva com o seu corpo inteiro (físico, emocional, psíquico e espiritual), surge uma sensação interna, que reverbera incluso nos intestinos, responsável por assimilar o que nos nutre e NOS plenifica de energia, elimina o que não nos serva mais. Emoções de todos os quilates afetam a nossa bioquímica, especialmente a dos intestinos - muitos estudos científicos comprovam isso. Se você segue o seu propósito você cura e mantém os seus intestinos muito mais funcionais, felizes e SANOS!
  • 6. Água e hidratação
    A maioria dos sintomas podem ser relacionados com desidratação. O nosso sistema digestivo precisa de muita água para o movimento peristáltico dos intestinos. Oxigênio na água liga os minerais que ajudam na cura dos intestinos. Todo mundo precisa tomar água!
    Sempre tenha água ou uma fruta madura e fresca perto de você, na sua mesa na sua bolsa, no carro, etc. No inverno precisamos um pouco menos, no verão bastante mais. De qualquer forma, você - cérebro, intestinos, todo o metabolismo - funciona melhor com água suficiente no teu corpo.
    Desintoxicar-se é preciso e a água é o primeiro passo: transpirar, evacuar, fazer xixi...
  • 7. Suplementos e ervas
    A função primária dos intestinos é a assimilação dos nutrientes, mesmo se você comer a melhor comida orgânica, você não vai absorver os nutrientes presentes nele, se o seu intestino não estiver saudável. Doente ou sano é preciso restaurar e manter a flora intestinal, aumentar a população das bactérias benéficas e reduzir inflamação. A digestão boa acontece quando todos os órgãos da digestão (estômago, pâncreas, fígado, intestino delgado etc.) trabalham juntos de uma forma sincronizada e fluida.
    E a Medicina Hindu Ayurvédica é primorosa em usar a Fitoterapia em todos os seus preparos culinários. Amo produzir e usar ervas frescas, principalmente as mais aromáticas, porque ricas em sabor, mas também nutracêuticos como antioxidantes, cicatrizantes, digestivos, carminativos etc.

(*) Kate Reardon é uma jornalista americana que se especializou em matérias sobre Naturopatia, Nutrição e temas ligados à auto-ajuda. 

Leia também: A Dieta Amucosa
Assista: Vídeo: Uma nova visão sobre o papel dos intestinos
Assinantes: O CÉREBRO E OS INTESTINOS


 

Lojas Doce Limão

Os livros da Conceição Trucom e os produtos do Doce Limão podem ser encontrados em nossas lojas parceiras. Clique e adquira já.

 


* Conceição Trucom
 é química, pesquisadora, palestrante e escritora sobre temas voltados para alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida. Possui 10 livros publicados, entre eles O Poder de Cura do Limão (Editora Alaúde), com meio milhão de cópias vendidas, Mente e Cérebro Poderosos (Pensamento-Cultrix) e Alimentação Desintoxicante (Editora Alaúde).

Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citadas a autora e a fonte: www.docelimao.com.br

Vamos ser amigos?

Inscreva-se para receber gratuitamente o Boletim Doce Limão e ainda leve de brinde a Apostila de Meditação, em formato PDF.

Se além disso você também deseja ter acesso a todos os nossos cursos online e conteúdos exclusivos, seja um Assinante Doce Limão. Clique aqui!

Siga-nos no Facebook

Clique aqui para conferir todos os eventos.

Comentários e perguntas

 Caro leitor,

Ficou com alguma dúvida sobre este artigo? A área de comentários e perguntas é exclusiva para assinantes Doce Limão. Por apenas R$ 20 mensais, você terá acesso a todo conteúdo exclusivo, como palestras, cursos online e muito mais, além de poder enviar perguntas, que serão respondidas pela Conceição Trucom e equipe.

 

Saiba mais e assine