COVID19 & tratamento hospitalar: finalmente informações que têm lógica

Dr. Roman Barroso do Centro de Epidemiologia, Milão/Itália em Julho/2020
Bate-papo de médicos especializados em COVID-19
Tradução Fernando Trucco - especialmente para o Doce Limão Professional Translations

Nesta pandemia tem maior chance de sobrevivência aqueles que se infectaram 4 meses depois do inicio da pandemia, digamos em julho de 2020, do que para aqueles que se infectaram nos meses iniciais como fevereiro-março de 2020. 

A razão para isso é que médicos e cientistas sabem mais sobre o COVID-19 agora do que 4 meses atrás e, portanto, são capazes de tratar melhor os pacientes. 

Para um melhor entendimento vou listar 5 coisas importantes que sabemos agora e que não sabíamos em fevereiro de 2020:

  1. Inicialmente se pensava que a COVID-19 causava a morte por pneumonia - uma infecção pulmonar - e é por isso se pensou que os ventiladores mecânicos eram a melhor maneira de tratar pacientes doentes com insuficiência respiratória. 

Agora sabemos que o vírus causa a formação de coágulos nos vasos sanguíneos dos pulmões e de outras partes do organismo... E isso dificulta a passagem do ar e causa a baixa e falta de oxigenação. 

Sabemos também que fornecer simplesmente oxigênio através dos ventiladores não vai ajudar, mas precisamos prevenir e dissolver estes micro-coágulos formados nos pulmões. É por isso que estamos usando drogas como Aspirina e Heparina (anticoagulantes que previnem a coagulação) protocolo adotado em regimes de tratamento desde julho de 2020. 

  1. Anteriormente, os pacientes costumavam cair mortos na estrada ou mesmo antes de chegar a um hospital devido à redução do nível de oxigênio no sangue: BAIXA SATURAÇÃO DE OXIGÊNIO. 

Isso se deveu à HIPOXIA SILENCIOSA, onde embora a saturação de oxigênio fosse gradualmente reduzida, os pacientes COVID-19 não apresentavam sintomas até atingir níveis criticamente reduzidos, chegando às vezes em 70%. Normalmente ficamos sem fôlego se a saturação de oxigênio for reduzida abaixo de 90%. 

Essa falta sintomas e de ar não é desencadeada desde o inicio em pacientes com COVID-19 e é por isso que os pacientes eram levados muito tarde para hospitais em fevereiro-março de 2020. 

Agora que sabemos da hipóxia silenciosa, estamos monitorando a saturação de oxigênio de todos os pacientes Covid-19 com um simples oxímetro de pulso de uso doméstico e levamos os pacientes para o hospital se sua saturação de oxigênio cair para 93% ou menos. Isso dá aos médicos mais tempo para corrigir a deficiência de oxigênio no sangue e uma melhor chance de sobrevivência desde julho de 2020.

  1. Em fevereiro de 2020 não tínhamos medicamentos para combater o Corona vírus. Estávamos lidando com complicações causadas por hipóxia. Portanto, a maior parte dos pacientes ficou gravemente infectado. 

Agora temos 2 medicamentos importantes FAVIPIRAVIR e REMDESIVIR, que são ANTIVIRAIS QUE podem matar o Corona vírus. Com esses dois medicamentos, podemos evitar que os pacientes se tornem seriamente infectados e, portanto, curá-los antes de atingir a HIPÓXIA. Temos este conhecimento desde JULHO de 2020, questão que não sabíamos em FEVEREIRO DE 2020.

  1. Muitos pacientes COVID-19 morrem não apenas por causa do vírus em si, mas também pela resposta exagerada do próprio sistema imunológico dos pacientes, chamada TORMENTA DE CITOCINAS. 

Esta verdadeira tempestade da resposta imune não só mata o vírus, mas também mata os pacientes. Em fevereiro de 2020 não sabíamos como evitar que isso acontecesse. Agora, desde julho de 2020, sabemos que medicamentos normalmente disponíveis chamados Esteroides, que médicos em todo o mundo vêm usando há quase 80 anos, podem ser usados para prevenir a tempestade de citocinas em alguns pacientes. 

  1. Agora também sabemos que as pessoas com HIPÓXIA melhoraram apenas fazendo-as deitar de barriga para baixo (conhecida como posição decúbito ventral ou propensa).

Além disso, há alguns dias, cientistas israelenses descobriram que um produto químico conhecido como Alfa Defensin, produzido pelos glóbulos brancos, pode causar micro-coágulos nos vasos sanguíneos dos pulmões e isso poderia ser evitado com uma droga chamada Colchicina usada por muitas décadas no tratamento da Gota. Portanto, desde julho de 2020 sabemos com certeza que os pacientes têm mais chances de sobreviver à infecção pelo COVID-19. Em fevereiro de 2020 não tínhamos estes conhecimentos todos.

Vamos continuar tomando precauções.

Sal: evite consumo em excesso, ideal o integral. Evite o refinado chamado DE MESA.

Evite festas, formaturas mesmo na escola das crianças.

Vamos parar de ser superficiais! É melhor ser infectado mais adiante, em 6 meses mais, do que agora, vamos dar tempo para a ciência nos ajudar, e que os sistemas de saúde fiquem descongestionados!

Atualmente, a saturação hospitalar e o desgaste físico e mental do Pessoal de Saúde também devem ser considerados.                 

Preste atenção:

  1. O vírus da SARS COV2, só pode entrar no corpo e infectar através das membranas mucosas dos OLHOS e das VIAS AÉREAS. 
  1. O vírus da SARS COV2 NÃO entra pela pele. Usar roupas de biossegurança e luvas é absurdo! Exceto no trabalho em unidades de pacientes críticos no hospital.

  2. O vírus da SARS COV2 por seu tamanho minúsculo NÃO gruda nas roupas devido a efeitos aerodinâmicos. Teríamos que nos mover em alta velocidade para fazer isso acontecer.

  3. O Vírus da SARS COV2 não infecta veículos ou pneus de veículos. Ninguém inala ou lambe os pneus de um carro ou a estrutura externa. NÃO TEM SENTIDO APLICAR DESINFETANTE NOS VEÍCULOS! 
  1. No chão e na rua pode haver Corona vírus SIM, mas é EXTREMAMENTE IMPROVÁVEL que se colem em nossos sapatos em quantidade suficiente para nos infectar. Teoricamente teríamos que lamber a sola de nossos sapatos para isso acontecer.

  2. Túneis de desinfecção NÃO TÊM SENTIDO e são perigosos. Nenhum desinfetante formulado para superfícies inertes deve ser aplicado na pele humana.

  3. Faz sentido usar uma máscara para evitar exalar ou tossir partículas em cima de outras pessoas e que carreguem Corona vírus. 
  1. Faz sentido lavar as mãos constantemente ou usar álcool gel. 
  1. Faz sentido manter distância física entre as pessoas. 

Centro de Epidemiologia de Milão/Itália.

Leia também: Quais os motivos da “hipoxemia silenciosa” na Covid-19? Publicado pelo Portal PUBMED


Assine o Doce Limão

Você gosta do nosso conteúdo? Seja um embaixador do Doce Limão e contribua para que ele continue sendo produzido! Além disso, você tem acesso a todo conteúdo de assinante: 11 cursos online (incluindo o Cosmética Natural), palestras, vídeos, receitas, e-books, suporte e muito, muito mais.
1
mês
Assinatura mensal
R$ 20,00 /mês
Cobrança automática no cartão
Assinar
6
meses
Assinatura semestral
R$ 120,00
R$ 110,00
À vista no cartão ou boleto
Comprar
12
meses
Assinatura anual
R$ 240,00
R$ 200,00
À vista no cartão ou boleto
Comprar

 

Loja Doce Limão

Os livros da Conceição Trucom e os produtos do Doce Limão podem ser encontrados em nossa loja. Clique e adquira já.


* Conceição Trucom
 é química, pesquisadora, palestrante e escritora sobre temas voltados para alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida. Possui 10 livros publicados, entre eles O Poder de Cura do Limão (Editora Alaúde), com meio milhão de cópias vendidas, Mente e Cérebro Poderosos (Pensamento-Cultrix) e Alimentação Desintoxicante (Editora Alaúde).

Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citadas a autora e a fonte: www.docelimao.com.br

Vamos ser amigos?

Inscreva-se para receber gratuitamente o Boletim Doce Limão e ainda leve de brinde a Apostila de Meditação, em formato PDF.

Se além disso você também deseja ter acesso a todos os nossos cursos online e conteúdos exclusivos, seja um Assinante Doce Limão. Clique aqui!

Siga-nos no Facebook

Clique aqui para conferir todos os eventos.

Comentários e perguntas

 Caro leitor,

Ficou com alguma dúvida sobre este artigo? A área de comentários e perguntas é exclusiva para assinantes Doce Limão. Por apenas R$ 20 mensais, você terá acesso a todo conteúdo exclusivo, como palestras, cursos online e muito mais, além de poder enviar perguntas, que serão respondidas pela Conceição Trucom e equipe.

 

Saiba mais e assine