Pedido de Demissão da Vida Adulta

Pedido de Demissão da Vida Adulta

Conceição Trucom *

Venho por meio desta apresentar oficialmente meu pedido de demissão da categoria dos adultos.

Quero de volta uma vida simples e sem complicações. 

Resolvi que quero voltar a ter as responsabilidades e os sonhos de uma criança, pura, espontânea... sem pensar ou acreditar nas maldades do mundo.

Quero acreditar que o mundo é justo, e que todas as pessoas são honestas e boas. 

Quero acreditar que tudo é possível. 

Quero que as complexidades da vida passem despercebidas por mim, e quero ficar encantada com as pequenas maravilhas deste mundo. 

Estou cansada de dias cheios de papéis inúteis, computador, notícias deprimentes, contas, fofocas, doenças, e a necessidade de atribuir um valor monetário a tudo que existe. 

Não quero mais ter que inventar jeitos para ganhar dinheiro para pagar por coisas que verdadeiramente não necessito. Inventar palavras como desnecessidades...

Não quero mais dizer adeus a pessoas queridas e, com elas, a uma parte da minha vida. Elas ficam, a partir de agora, eternamente vivas no meu mundo da imaginação. 

Quero deitar a cabeça em meu travesseiro todas as noites, chamar ao Deus Todo-Poderoso de "Papai do Céu" e apagar cinco segundos depois. 

Quero ter a certeza de que Ele está mesmo no céu, e que durante o sono nos encontramos e conversamos 'um monte'. 

Quero ir tomar suco de laranja na padaria da esquina, e achar bem melhor do que um restaurante cinco estrelas. 

Quero viajar ao redor do mundo no barquinho de papel.  Navegar numa poça deixada pela chuva. A mesma chuva que me molhou inteira porque 'amei' continuar brincando na rua. 

Quero jogar pedrinhas na água e ter tempo para olhar as ondas que elas formam. 

Quero andar me equilibrando nos paralelepípedos como se fosse a grande equilibrista do circo.

Quero achar que as moedas de chocolate são melhores do que as de verdade, porque posso comê-las e ficar com a cara toda lambuzada. 

Quero levar duas horas comendo o meu chocolate preferido, torcendo para que ele nunca acabe. 

Quero ficar feliz quando amadurece a primeira manga, ou quando tenho que colher todas as goiabas no pé para fazer doce na panela de barro. 

Quero poder passar as tardes de verão à sombra de uma árvore, construindo castelos no ar e dividindo-os com meus amigos. 

Quero voltar a achar que picolés são as melhores coisas da vida. 

Quero que as maiores competições em que eu tenha de entrar sejam um "pique-pega", um jogo de cartas, dominó ou fazer túneis na areia da praia... 

Eu quero voltar ao tempo em que tudo o que eu sabia era o nome das cores, dos números de 1 a 10, das cantigas de roda, e recitar a "batatinha quando nasce"... e isso não me incomodava nadinha, porque eu não tinha a menor ideia de quantas coisas eu ainda não sabia... 

Voltar ao tempo em que se é feliz, simplesmente porque se vive na bendita ignorância da existência de coisas que podem nos preocupar, causar medo e aborrecer. 

Eu quero acreditar no poder dos sorrisos, dos abraços, dos agrados, das palavras gentis, da verdade, da justiça, da paz, dos sonhos, da imaginação, dos castelos no ar e na areia. E mais: quero estar convencida de que tudo isso vale muito mais do que o dinheiro! 

Por isso, tomem aqui as chaves do carro, a lista do supermercado, as receitas do médico, o talão de cheques, os cartões de crédito, o contracheque, os crachás, o pacotão de contas a pagar, a declaração de renda, a declaração de bens, as senhas do meu computador e das contas no banco, e resolvam as coisas do jeito que quiserem. A partir de hoje, isso é com vocês, porque eu estou me demitindo da vida de adulto. 

Agora, se você quiser discutir a questão, vai ter de me pegar, porque... 

PIQUE! O PEGADOR ESTÁ COM VOCÊ! e, para sair do pegador, só tem um jeito: demita-se você também dessa sua vida chata de adulto, e venha brincar comigo. Vamos andar na chuva sem medo de se molhar ou de ficar resfriado. 

SEM MEDO DE SER FELIZ! 

Aqui estão alguns dos nossos mais profundos, sinceros e ocultos desejos. 

A simplicidade do universo de uma criança faz muita falta em nossos dias, em nossos corações. 

A ambição e o egoísmo acabam sempre se tornando maiores. Nesse estado, julgamos, criticamos e atacamos. Sofremos. 

Na pureza de uma criança somos como O SOL que irradia luz e alegria para todos, indiscriminadamente. 

Por isso, de vez em quando, demita-se! 

Ou melhor, viva como se estivesse eternamente demitido de tanta complicação. Comece agora a estudar a possibilidade de enxugar a enorme quantidade de gordura que existe nas exigências da sua vida. Celular? Cartões? Empregada? Agenda? Seguros? Carros? 

Afaste-se das complicações criadas pelo mundo dos adultos. Dos sentimentos mesquinhos e pequenos deste mundo. 

E fique mais próximo do único sentimento que realmente vale a pena: a PAZ e a vontade de desfrutar a vida, ou seja, de brincar, de rir muito aquele riso frouxo de criança...

E viva mais feliz! 


CARTA DE DEMISSÃO - pelo nosso internauta Martinho Ferreira de Lima

Achei extraordinário o seu texto "Pedido de demissão da vida adulta"; e, como aprecio transformar "tudo" em soneto, tomei a liberdade de captar a ideia:

Quero pedir urgente a demissão, 
Do compromisso banal de ser adulto,
E me recuso a prestar o velho culto, 
De insanidade, problemas e ambição.  

Retroceder ao tempo da descontração, 
Ir com os ventos, viver cada minuto, 
Com a pureza no olhar, sem nada oculto, 
Correr na chuva, sorrir, deitar no chão.  

Quando o cansaço chegar, dormir profundo, 
Ir passear no sonhar, em outro mundo, 
Brincar de nuvem, num céu que é colorido.  

E extasiado em viver cada momento, 
Quero gritar bem alto, aos quatro ventos, 
Que desse mundo sem cor, fui demitido. 

Leia também: Simplificando a vida

 

Este texto, inicialmente publicado em 2000, está sendo transformado em um filme - curta-metragem - pelo diretor Bi Rodrigues com o tema "As 4 Estações", em que "A demissão da vida adulta" irá desenvolver o Outono.


Assine o Doce Limão

1
mês
Assinatura mensal
R$ 20,00 /mês
Cobrança automática no cartão
Assinar
6
meses
Assinatura semestral
R$ 120,00
R$ 110,00
À vista no cartão ou boleto
Comprar
12
meses
Assinatura anual
R$ 240,00
R$ 200,00
À vista no cartão ou boleto
Comprar

 

Lojas Doce Limão

Os livros da Conceição Trucom e os produtos do Doce Limão podem ser encontrados em nossas lojas parceiras. Clique e adquira já.

 


* Conceição Trucom
 é química, pesquisadora, palestrante e escritora sobre temas voltados para alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida. Possui 10 livros publicados, entre eles O Poder de Cura do Limão (Editora Alaúde), com meio milhão de cópias vendidas, Mente e Cérebro Poderosos (Pensamento-Cultrix) e Alimentação Desintoxicante (Editora Alaúde).

Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citadas a autora e a fonte: www.docelimao.com.br

Vamos ser amigos?

Inscreva-se para receber gratuitamente o Boletim Doce Limão e ainda leve de brinde a Apostila de Meditação, em formato PDF.

Se além disso você também deseja ter acesso a todos os nossos cursos online e conteúdos exclusivos, seja um Assinante Doce Limão. Clique aqui!

Siga-nos no Facebook

Clique aqui para conferir todos os eventos.

Comentários e perguntas

 Caro leitor,

Ficou com alguma dúvida sobre este artigo? A área de comentários e perguntas é exclusiva para assinantes Doce Limão. Por apenas R$ 20 mensais, você terá acesso a todo conteúdo exclusivo, como palestras, cursos online e muito mais, além de poder enviar perguntas, que serão respondidas pela Conceição Trucom e equipe.

 

Saiba mais e assine