Oito benefícios do azeite de abacate para a pele e couro cabeludo

Azeite de abacate

Lana Barhum* e19.04.2018
Tradução especial para Doce Limão: Professional Translations**

Apesar do azeite de abacate ser mais conhecido por seus usos na culinária, ele também pode contribuir para os cuidados com a pele, um ingrediente ideal em muitos tipos de cremes, hidratantes e protetores dos raios solares.

Neste artigo, exploramos os benefícios do azeite de abacate para a pele e descrevemos as melhores formas de aplicá-lo. 

Antes um esclarecimento

- AZEITES são extraídos de frutas e frutos: azeitonas, abacates e frutos de palmeiras como o dendê.

- ÓLEOS costumam ser extraídos de sementes e grãos como amêndoa, gergelim e girassol, soja e milho.

Oito benefícios para a pele 

O azeite de abacate é rico em ácidos graxos e é excelente para hidratar a pele. Ele contém ácidos graxos ômega-9 além de ômega-3 e vitaminas A, D e E. Vamos aos principais benefícios:

  1. Hidrata e nutre 

Além da vitamina E, o azeite de abacate contém potássio, lecitina e muitos outros compostos benéficos que podem nutrir e hidratar a pele. A camada mais externa da pele, conhecida como epiderme, absorve facilmente esses nutrientes, o que também ajuda na regeneração da pele. 

  1. Alivia a inflamação causada pela psoríase e eczemas

Os antioxidantes e vitaminas presentes no azeite de abacate podem ajudar a tratar a pele seca, irritada e escamosa associada com eczema e psoríase. Mas cabe um alerta: pessoas com problemas de pele devem primeiro fazer um teste com o óleo numa área limitada da pele, para garantir que este azeite  não desencadeie ou agrave os problemas. 

  1. Previne e trata acne 

Quando deixado por curtos períodos de tempo e enxaguado com água morna, o azeite de abacate pode manter a pele hidratada sem deixar um resíduo oleoso. Isso pode reduzir o risco de acne. O azeite de abacate também tem efeitos anti-inflamatórios, o que pode ajudar a reduzir a vermelhidão e inflamação associada à acne. 

  1. Acelera a cicatrização de feridas 

O azeite de abacate pode ajudar as feridas a cicatrizarem mais rapidamente. Um estudo de 2013 descobriu que os ácidos graxos essenciais e o ácido oleico contidos no azeite de abacate podem promover a síntese de colágeno, que é o processo de criação de novo tecido conjuntivo. 

Os ácidos graxos essenciais do azeite de abacate também ajudam na redução da inflamação durante o processo de cicatrização. No entanto, mais estudos são necessários em humanos para determinar se o azeite de abacate pode ser usado para tratar feridas. 

  1. Tratamento da pele queimada pelo sol 

Os antioxidantes contidos no azeite de abacate podem ajudar a aliviar os sintomas de uma queimadura solar. De acordo com uma revisão de 2011 compostos tais como vitamina E, beta-caroteno, vitamina D, proteína, lecitina e ácidos graxos essenciais, presentes no azeite de abacate, podem ajudar a curar e dessensibilizar a pele. Outros estudos menores mostraram que o consumo de abacates pode ajudar a proteger a pele dos prejuízos da radiação UV. 

  1. Reduz os sinais de envelhecimento

Sinais de envelhecimento geralmente surgem primeiro na pele. Alguns estudos mostraram que o consumo de gorduras saudáveis, como as encontradas nos abacates, pode ajudar a pele a prolongar sua elasticidade. No entanto, os pesquisadores ainda devem responder se aplicar azeite de abacate na pele tem o mesmo efeito. 

  1. Melhora a saúde das unhas 

Enquanto algumas pessoas usam azeite de abacate para curar unhas ressecadas e quebradiças, poucas evidências científicas confirmam esse benefício. No entanto, é fato que o uso de óleos naturais para manter as unhas e a pele circundante macia pode ajudar a reduzir a quebra. 

  1. Melhora a saúde do couro cabeludo 

A aplicação de azeite de abacate no couro cabeludo como uma máscara de azeite quente pode ajudar a reduzir a caspa e outros problemas causados ​​por um couro cabeludo seco e escamoso. 

Azeite de abacate

Como usar

O azeite de abacate pode ser massageado na pele, usado em uma máscara facial, ou adicionado a loções, cremes, géis de banho ou óleos de banho. Pode ser usado na pele diariamente sem efeitos adversos. 

Como hidratante facial 

Para usar abacate como um hidratante facial, uma pessoa pode raspar o interior da casca do abacate e massageá-lo no rosto. Deixe o resíduo por 15 minutos aproximados, depois enxágue o rosto com água morna. 

O azeite de abacate também pode ser usado para hidratar o rosto à noite. E, lave o rosto somente na manhã seguinte. 

No banho 

Adicionar algumas colheres de sopa de azeite de abacate a um banho pode deixar o corpo todo macio e ajudar a evitar que a água quente resseque a pele. Também pode ser misturado com o seu óleo de banho favorito. 

Como hidratante 

O azeite de abacate é eficaz por si só e pode ser aplicado em todo o corpo para manter a pele macia. Mas pode-se combiná-lo com óleos essenciais (OEs) e usar a mistura na massagem corporal após o banho. Lembrar de secar muito bem a pele com uma toalha antes de aplicar o azeite.

Cuidados do couro cabeludo 

Uma pessoa com couro cabeludo seco pode se beneficiar usando um tratamento como azeite de abacate aquecido. Para aquecê-lo despeje 3-5 colheres de sopa em uma jarra de vidro pequena, e leve ao banho Maria fora do fogo.

Teste a temperatura do azeite para evitar que fique muito quente. Quando estiver morno, retire do banho Maria e massageie suavemente o couro cabeludo. O azeite pode ser deixado durante a noite e os cabelos lavados com shampoo pela manhã. Isso pode ajudar a reduzir a caspa e a pele seca e escamosa do couro cabeludo. 

Tratar pele seca e inflamada 

Para curar e suavizar a pele áspera e seca misture quantidades iguais de azeite de abacate e oliva e aplique a mistura na pele uma ou duas vezes por dia. Para dar um aroma à mistura, experimente uma ou duas gotas de um óleo essencial, como a lavanda. 

Outros benefícios do óleo de abacate para a saúde 

A pesquisa sugere que o óleo de abacate pode ajudar a prevenir vários problemas de saúde, incluindo diabetes e colesterol alto

Um estudo de 2014 descobriu que o óleo de abacate tem tantos benefícios saudáveis ​​quanto o azeite de oliva. 

Um estudo de 2017 concluiu que o óleo de abacate poderia reduzir o dano oxidativo dos rins de pessoas com diabetes tipo 2. O resultado deve-se ao ácido oleico, uma gordura "saudável", que é o principal componente do óleo. No entanto, mais pesquisas em humanos são necessárias, antes que essa afirmação possa ser totalmente suportada. 

Além de combater os danos nos rins, o ácido oleico é conhecido por sua capacidade de diminuir o risco de desenvolver alguns cânceres, prevenindo surtos de algumas doenças autoimunes, acelerando a regeneração celular para promover a cicatrização, auxiliando na eliminação de infecções microbianas e reduzindo a inflamação no organismo todo. 

Outro estudo relatou que o ácido oleico pode ajudar a reduzir a inflamação e a dor associada à artrite. 

Riscos 

Os efeitos colaterais do azeite de abacate são raros, mas certas pessoas são alérgicas ao abacate ou ao seu azeite. Tenha presente que o azeite de abacate é altamente concentrado e pode causar reações na pele. 

A melhor maneira de descartar uma alergia é fazer um teste de contato. Aplique uma pequena quantidade de azeite de abacate em numa área restringida da pele, por exemplo, 2 a 3 cm no interior do braço. Se não ocorrer irritação durante um período de 24 horas, o azeite pode ser usado com segurança em outras partes da pele. 

Qualquer pessoa alérgica a abacates deve evitar o contato com o azeite de abacate. 

Não se esqueça 

Existem poucos riscos de usar topicamente o azeite de abacate, mas qualquer pessoa com uma condição de pele preexistente deve falar com um médico antes de tentar um novo remédio caseiro.

Acesse também este estudo iniciado no Brasil e concluído na Suécia, que mostra a importância da ingestão de gorduras saudáveis e analisa os benefícios do consumo do abacate. A tese aponta também o efeito do azeite extraído da polpa do abacate, como atenuante dos problemas de saúde causados pela obesidade.

A matéria publicada no Jornal da Unicamp pode ser acessada AQUI e na reportagem abaixo:

(*) Lana Barhum - Fonte Medical News Today - em 19.Abril.2018

(**) Fernando Trucco, Professional Translations. Reprodução permitida, desde que citada a fonte e o tradutor.


 

Lojas Doce Limão

Os livros da Conceição Trucom e os produtos do Doce Limão podem ser encontrados em nossas lojas parceiras. Clique e adquira já.

 

Vamos ser amigos?

Inscreva-se para receber gratuitamente o Boletim Doce Limão e ainda leve de brinde a Apostila de Meditação, em formato PDF.

Se além disso você também deseja ter acesso a todos os nossos cursos online e conteúdos exclusivos, seja um Assinante Doce Limão. Clique aqui!

Siga-nos no Facebook

Clique aqui para conferir todos os eventos.

Comentários e perguntas

 Caro leitor,

Ficou com alguma dúvida sobre este artigo? A área de comentários e perguntas é exclusiva para assinantes Doce Limão. Por apenas R$ 20 mensais, você terá acesso a todo conteúdo exclusivo, como palestras, cursos online e muito mais, além de poder enviar perguntas, que serão respondidas pela Conceição Trucom e equipe.

 

Saiba mais e assine