Os olhos, a mente e as emoções

Por Ingrid Frare * 

Dou início a uma série de textos como colaboradora do Portal Doce Limão, numa parceria que teve início em julho de 2017. Cumplicidade é algo maravilhoso, uma sinergia que torna nosso processo de evolução aqui na Terra MAIS LEVE, porque BEM compartilhado.  

Esse texto está baseado nos livros “Movimento para a Autocura” (Editora Cultrix, 2004) e “Manual de Autocura” (Editora Tiom) ambos escritos pelo Meir Schneider, criador do Método Self-Healing® Autocura **, que é sempre um convite à releitura: do livro e de si mesmo!

“A mente é uma consciência não material, que habita cada parte do nosso corpo, e cada parte do corpo humano é um reflexo da mente.”

Não é possível curar o corpo sem o apoio da mente.

Nossa mente limita a nossa habilidade de usar o cérebro. O cérebro aceita e se torna programado de acordo com as limitações aí colocadas pela mente. O corpo inteiro, inclusive o cérebro, é a manifestação das idéias de uma pessoa sobre si, o que significa dizer que o corpo é uma criação da mente.  

A atividade muscular é pré-padronizada e sempre feita de acordo com uma série de instruções rígidas. Os músculos estão simplesmente agindo segundo o conceito da mente do que eles devem fazer.

A mente é afetada pelas circunstâncias, especialmente as que atingem as emoções. 

Com o sentido da visão também temos a interferência da mente.

O olhos captam a luz, as imagens, e enviam essas informações para o cérebro.  O cérebro, e não os olhos, é que vai interpretar as imagens dando significado ao que o olho “vê”.

Sendo assim, o que vemos nunca é a mesma coisa que outra pessoa vê, e nem sempre é a mesma coisa para a mesma pessoa em outro momento.

Então daí temos que nós vemos o que queremos? Sim! Só que de forma inconsciente.

Se aprender a usar os seus olhos sem forçar, perceberá o que é a sua visão.

Mesmo que as mudanças na sua visão não possam ser medidas na tabela, essas melhoras são consideráveis em termos de conexão olho-cérebro-corpo. A visão é em grande parte conseguida pelo cérebro e só parcialmente pelos olhos.

Sim, seus olhos mudam, mudam constantemente,e podem mudar para melhor. 

Durante períodos de estresse emocional, acontecem duas coisas que podem afetar a visão. Uma é que tendemos a olhar para dentro, a nos concentrar mais nas experiências de nossa vida interior e menos no mundo ao nosso redor. Embora esse seja um estado emocional, ele afeta o modo como usamos nossos olhos. Quantas vezes saímos de profunda concentração para perceber que, por algum tempo, não vimos nada em absoluto, ainda que nossos olhos tivessem ficado abertos? Esse olhar no vazio é um dos fatores que ajudam a miopia a se desenvolver. Também pode ocorrer, em ocasiões de grande aflição, ao estarmos tão infelizes com nosso ambiente que não desejamos ver nada. Nessas ocasiões, os nossos olhos são usados apenas o absolutamente necessário, e a tendência para olhar, com interesse, para dados visuais específicos pode ser perdida. Em outra palavras, a não aceitação de nós próprios ou de nossas vidas pode desenvolver um papel enorme na deterioração da visão. Naturalmente, há muitas pessoas com problemas de auto-aceitação que podem ver muito bem; essas pessoas vão manifestar suas dificuldades de alguma outra maneira. Normalmente, o estresse vai deixar sua marca nos lugares onde já somos mais vulneráveis. 

A seguir o depoimento da Eliane Maria Vieira, aluna que participou do nosso workshop Self Healing e Detox em julho de 2017 com a Conceição Trucom, a equipe Doce Limão e a minha equipe do Self Healing.

A Eliane é professora de música e mora no Rio de Janeiro. No workshop ela fez o primeiro contato com o Método Self Healing e pôde redescobrir seus olhos e sua visão. Inicialmente confusa e desacreditada, após um derrame em seu olho, ela abriu seus olhos e sua mente. Dessa forma deu início, e continuidade, ao seu processo de cura. E parece que não vai mais parar! 

Queridos MESTRES!

Finalmente consegui vencer enorme muralha de auto sabotagem na recuperação da visão. Comecei a ler o livro Movimento para Auto Cura, adquirido em 2007. 

O mundo está se abrindo para mim.

O que mais gostei até a página 35, foi redescobrir a riqueza dos detalhes da  vida. Num translado de ônibus, com o esquerdo fechado, fui piscando e tentando, com os olhos bem abertos, descobrir os aparelhos de ar condicionados nos prédios. Achei alguns. 

Foi muito divertido. Como num jogo. E hoje, em minha janela, entrei mesmo no clima de prazer e brincadeira proposto por vocês e, com os dois olhos, pude ver os botões da camisa de um homem grande e barrigudo, a fivela do papai noel na bota pendurada na janela do prédio à frente, a faixa de marca dos ar condicionados à média distância, os ar condicionados a longa distância e as janelas longérrimas dos prédios na Barra, as pontas dos para-raios da igreja no monte, os galhos das árvores nas montanhas da Tijuca, as pintas dentro das pintas da minha mão, as letras no parafuso da janela...

Enquanto tomo o suco selvagem e outras guloseimas da Conceição na janela, fico olhando longe e perto essas coisinhas. É muito, muito divertido. Uma visão criativa como o ouvido pensante dos músicos. Vejo coisas incríveis, muito engraçadas. As crianças vêm o mundo assim.

Minha meta agora é ler as placas dos carros estacionados lá em baixo. 

Comprei alguns brinquedos que mostro no vídeo BRINQUEDOS OLHOS.

 

Fiz o vídeo CORES DO GABINAL para compartilhar com vocês, um pouco da
visão das minhas janelas e dos presentes visuais que me proporcionam.

 

Quanto aos enjoos provocados pelos movimentos das transformações internas, sinto que preciso cuidar dos rins e do chacra básico. Coloquei os troncos de massagear os pés em local de passagem e sempre vou lá. Fiz antes de dormir. Quando me deitei pude sentir intensamente todas as células dos meus pés pulando de alegria. Agora vou cuidar de coisas do plano terra como arrumar a casa, costurar... 

Sou infinitamente grata a vocês duas e ao Meir. 

Abraço-as com gratidão e carinho, Eliane Maria kisssmilelaughingcool

(**) Método Meir Schneider - Self-Healing® Autocura: Trata-se de uma técnica que confere resultados terapêuticos e educativos. Possibilita às pessoas o desenvolvimento da consciência corporal, tornando-as os agentes principais de sua recuperação ou da prevenção das boas condições de saúde. Os recursos ensinados são técnicas de massagem regenerativa dos tecidos ou auto massagem - sempre combinadas com exercícios ativos, passivos e respiratórios. Ele tem se mostrado muito eficaz na recuperação e reversão de um bom número de patologias, como esclerose múltipla, problemas de coluna, atrofias e distrofias musculares, osteoporose, artrite e artrose, problemas de visão, entre outros. 


Ingrid Frare com MEIR SCHNEIDER educador e terapeuta ucraniano
que criou o método 
de autocura durante o processo de cura 
da própria cegueira. Saiba
 mais em http://self-healing.org/

(*) Ingrid Frare - Blogspot: /Soul Saudável  

  • Educadora postural pelo Método Meir Schneider de Self Healing, em especial na melhora natural da visão
  • Especialista em Terapia Corporal e Ayurveda
  • Especialista em Saúde Pública pela USP/UNIFESP/UNICAMP 


 

Lojas Doce Limão

Os livros da Conceição Trucom e os produtos do Doce Limão podem ser encontrados em nossas lojas parceiras. Clique e adquira já.

 


* Conceição Trucom
 é química, pesquisadora, palestrante e escritora sobre temas voltados para alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida. Possui 10 livros publicados, entre eles O Poder de Cura do Limão (Editora Alaúde), com meio milhão de cópias vendidas, Mente e Cérebro Poderosos (Pensamento-Cultrix) e Alimentação Desintoxicante (Editora Alaúde).

Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citadas a autora e a fonte: www.docelimao.com.br

Vamos ser amigos?

Inscreva-se para receber gratuitamente o Boletim Doce Limão e ainda leve de brinde a Apostila de Meditação, em formato PDF.

Se além disso você também deseja ter acesso a todos os nossos cursos online e conteúdos exclusivos, seja um Assinante Doce Limão. Clique aqui!

Siga-nos no Facebook

Clique aqui para conferir todos os eventos.

Comentários e perguntas

 Caro leitor,

Ficou com alguma dúvida sobre este artigo? A área de comentários e perguntas é exclusiva para assinantes Doce Limão. Por apenas R$ 20 mensais, você terá acesso a todo conteúdo exclusivo, como palestras, cursos online e muito mais, além de poder enviar perguntas, que serão respondidas pela Conceição Trucom e equipe.

 

Saiba mais e assine