Agricultura Apoiada pela Comunidade

Agricultura Apoiada pela Comunidade

Agricultura Apoiada pela Comunidade, em inglês CSA (Community Supported Agriculture), é um assunto que será bastante debatido pelo Doce Limão e Colaboradores durante 2014.

Embora este modelo tenha sido criado há 40 anos no Japão, ele tem se espalhado rapidamente por todo o mundo, principalmente na Europa e Estados Unidos.

Achei bem oportuno portanto, disponibilizar aos interessados o trabalho abaixo, realizado por uma equipe multidisciplinar, basicamente das EMBRAPAs, que pesquisou se:

"Poderia a experiência dos agricultores americanos 
ser útil para os agricultores urbanos brasileiros?"

Confira agora o RESUMO deste estudo e o leia ou o passe para pessoas que você acredita pode influenciar e/ou ajudar.

RESUMO

O projeto "Agricultura Apoiada pela Comunidade" (CSA em inglês) é uma alternativa de mercado utilizada na Europa e nos EUA. Neste mercado alternativo, os produtores oferecem a sua produção aos consumidores, sob a forma de cestas de alimentos, alguns meses antes de iniciarem a produção de suas culturas.

Algum tempo depois, durante alguns meses, os consumidores irão receber os produtos.

Atualmente, diversos países têm uma parcela significativa da sua população vivendo na pobreza. Por isso, diversas políticas públicas foram desenhadas nesses países com o objetivo de reduzi-la. O estímulo à agricultura urbana é uma dessas políticas.

No entanto, frequentemente, os produtores urbanos pobres têm dificuldades para adquirir os insumos necessários para manter a sua produção. O apoio contínuo do governo local associado ao apoio contínuo da comunidade local poderia ajudar esses produtores a manter o seu sistema de produção.

Assim, para esses agricultores urbanos pobres, a Agricultura Apoiada pela Comunidade (AAC) poderia ser um meio alternativo de organização.

O objetivo desse trabalho foi obter algumas informações sobre o projeto AAC nos EUA e avaliar se consumidores e produtores urbanos pobres de uma cidade brasileira de baixa renda aceitariam se engajar neste tipo de projeto.

Os produtores americanos envolvidos no projeto AAC em geral cultivavam uma área inferior a 2 ha, ofereciam diferentes tipos de hortaliças aos consumidores por pelo menos quarto meses e geralmente usavam práticas de produção orgânica.

No entanto, havia dificuldades para a manutenção do projeto, sendo o planejamento da produção e a dificuldade de sua manutenção ao longo do tempo os maiores problemas.

Alguns consumidores da cidade brasileira pesquisada se mostraram dispostos a participar deste tipo de projeto principalmente pela possibilidade de receberem alimentos frescos e produzidos organicamente. No entanto, o mesmo não ocorreu com os produtores urbanos pobres da cidade. E a razão principal para isso foi a impossibilidade deles garantirem a produção.

Pesquisas posteriores deverão avaliar se a melhoria do sistema de produção poderia levar esses agricultores a se engajarem neste tipo de projeto.

Palavras-chave: agricultura urbana, redução da pobreza, organização alternativa.

Pesquisadores:

Marina Castelo Branco - Embrapa Sede-DPD, SAIN Parque Rural, Av. W3 Norte (final), 70770-901 Brasília-DF 

Ronaldo S de Liz - Embrapa Hortaliças, C. Postal 218, 70359-970 Brasília-DF  

Flávia A Alcântara - Embrapa Arroz e Feijão, C. Postal 179, 75375-000 Sto. Antonio de Goiás-GO  

Hélio AG Martins - UnB, Campus Darci Ribeiro, Asa Norte 79919-970 Brasília-DF 

James C Hanson - Extension Economist, Agricultural & Resource Economics (AREC) 2200 Symons Hall, Univ. of Maryland College Park, MD 20742 USA
 

Acesse agora este Estudo na Íntegra

Leia também: O que significa CSA?

ANO INTERNACIONAL DA AGRICULTURA FAMILIAR
 

 Convido você para ser nosso Assinante Doce Limão, onde serão inúmeras as vantagens e ainda ajudará na sustentabilidade do Doce Limão. Todos saem ganhando e crescidos, fortalecidos para aumentar nosso Ponto de Luz! Confira, porque vale a pena!


 

Lojas Doce Limão

Os livros da Conceição Trucom e os produtos do Doce Limão podem ser encontrados em nossas lojas parceiras. Clique e adquira já.

 


* Conceição Trucom
 é química, pesquisadora, palestrante e escritora sobre temas voltados para alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida. Possui 10 livros publicados, entre eles O Poder de Cura do Limão (Editora Alaúde), com meio milhão de cópias vendidas, Mente e Cérebro Poderosos (Pensamento-Cultrix) e Alimentação Desintoxicante (Editora Alaúde).

Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citadas a autora e a fonte: www.docelimao.com.br

Vamos ser amigos?

Inscreva-se para receber gratuitamente o Boletim Doce Limão e ainda leve de brinde a Apostila de Meditação, em formato PDF.

Se além disso você também deseja ter acesso a todos os nossos cursos online e conteúdos exclusivos, seja um Assinante Doce Limão. Clique aqui!

Siga-nos no Facebook

Clique aqui para conferir todos os eventos.

Comentários e perguntas

 Caro leitor,

Ficou com alguma dúvida sobre este artigo? A área de comentários e perguntas é exclusiva para assinantes Doce Limão. Por apenas R$ 20 mensais, você terá acesso a todo conteúdo exclusivo, como palestras, cursos online e muito mais, além de poder enviar perguntas, que serão respondidas pela Conceição Trucom e equipe.

 

Saiba mais e assine